Soslaio

12 de Abril, 2021 Não Por Madalena Palma

Escreveria um poema

Onde a palavra soslaio

Surgiria tímida

Num vértice de uma história

Ou no canto de uma frase

Assim

Do nada

Simples e esguia

Como o encolher de ombros

Ou o fechar os olhos

Quando o vento vem mais forte

Gestos simples que,

De soslaio chegam e vão

Que quase não deixam marcas ou vontades

Rasgos de memória

Ou estilhaços na pele

Assim

De soslaio

Se escreve um poema

Avivando a inspiração

Sempre que a vida faz poesia